Carregando...

Educação

As aulas presenciais no Colégio Militar de Belo Horizonte podem ser retomadas nos próximos dias. A Justiça Federal determinou, nesta sexta-feira, a suspensão da decisão que impedia a volta dos estudantes para a instituição. A decisão é do desembargador Jirair Aram Meguerian, de Brasília.

Em seu despacho, o magistrado decidiu que  os servidores civis continuarão no regime de teletrabalho, mas os demais servidores e alunos não são afetados pela decisão anterior, podendo frequentar o espaço.

O desembargador entende que  atos normativos que determinem restrição das atividades no Município, não se aplicam nas instituições de ensino estaduais e federais.

As aulas presenciais no Colégio Militar de BH foram suspensas na última sexta-feira pela Justiça, após pedido do Sindicato dos Trabalhadores Ativos Aposentados e Pensionistas no Serviço Público Federal (Sindsep). Nessa segunda-feira, os estudantes voltaram às aulas, apenas com professores militares.

No mesmo dia, a Justiça aumentou a multa de R$ 5 mil para R$ 50 mil em caso de descumprimento. Por causa disso, o colégio suspendeu o retorno dos alunos. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais