Carregando...

Educação

A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) vai retomar, a partir da próxima segunda-feira (17), parte das atividades presenciais. A medida foi divulgada, em nota, pela reitora Sandra Regina Goulart Almeida e pelo vice-reitor Alessandro Fernandes Moreira.

Em 12 de março deste ano, a UFMG decidiu retroceder à etapa zero do Plano para o retorno presencial de atividades não adaptáveis ao modo remoto, por causa do recrudescimento da pandemia. Com a nova decisão, a partir da próxima semana, a Universidade avançará para a etapa 1 do planejamento. Nesta fase, a Universidade manterá em até 20% o teto de ocupação dos espaços físicos e, em modo remoto, as atividades que não exigem presença in loco.

O avanço é respaldado pelo Comitê Permanente da UFMG de Enfrentamento do Novo Coronavírus, com aquiescência da Comissão de Acompanhamento do Conselho Universitário.

No comunicado enviado à comunidade acadêmica, a reitora e o vice-reitor da UFMG citaram a queda no número de casos no mês atual.

Embora seja cedo para nos sentirmos aliviados, maio iniciou-se com queda no número de casos confirmados e óbitos no país, o que configura um pequeno alento e nos possibilita reavaliar quais são as balizas para o retorno de atividades presenciais de forma lenta, gradual e segura, com base em evidências científicas e novas recomendações sobre o tema”, afirmaram os dirigentes no comunicado.

Eles também alertaram para a delicadeza do momento e reforçaram a importância da adoção de medidas eficazes de contenção da pandemia tais como uso de máscaras em todos os ambientes, higiene frequente das mãos e a contraindicação absoluta de qualquer forma de aglomeração.  

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais