Carregando...

Mercado Automotivo

Imagem: Reprodução Redes Sociais

Após 18 anos de mercado, Volkswagen Fox deixa de ser produzido

Projeto 100% brasileiro, modelo fez sucesso pelo bom aproveitamento de espaço; última unidade produzida vai para museu e linha de montagem será ocupada pelo T-Cross

Por Marcello Oliveira

Após 18 anos no mercado, a Volkswagen tirou o Fox de linha, modelo projetado e desenvolvido no Brasil e lançado em outubro de 2003.

Nos últimos dias, imagens que circularam pelas redes sociais, mostraram o que seria o último Fox produzido, uma unidade de cor vermelha e da versão Xtreme, a topo de linha atualmente. Mas, segundo o site da revista Quatro Rodas, a montadora confirmou, na tarde desta quarta-feira (06), o fim do modelo. A reportagem da Rede 98 entrou em contato com a Volkswagen do Brasil para confirmar a informação e a montadora disse que retornaria mais tarde com a informação, mas não tivemos a confirmação até o fechamento deste texto. Porém, o portal UOL também confirmou a mesma informação. O último Fox produzido não será vendido e integrará o acervo histórico da Volkswagen.

O Fox é um dos modelos mais populares do Brasil, sendo um sucesso de críticas ao longo desses 18 anos. O modelo chegou a ganhar a linha 2022, mantendo duas verões: Connect e Xtreme (ambos com motor 1.6 8V de 104 cv), mas por causa da crise dos semicondutores na montadoras de todo o mundo, o Fox passou e vir sem central multimídia, que era equipamento de série.

Produzido na fábrica da Volkswagen em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, o Fox dividia a unidade fabril com o SUV compacto T-Cross. Segundo o sindicato dos metalúrgicos de Curitiba, tanto a linha de montagem do Fox, quanto os funcionários que nela trabalham, serão realocados para aumentar a produção do T-Cross.

Projeto 100% brasileiro

O Fox nasceu em 2003 como produto 100% brasileiro com missão de aposentar o Gol, mas pesquisas realizadas no mercado revelaram que os dois modelos poderiam conviver juntos, sendo o Fox posicionado acima do Gol por causa do projeto mais moderno. O desenho do Fox foi feito pensado nos ocupantes e o projeto se iniciou a partir destes ocupantes, por isso foi elogiado pelo público pelo amplo espaço interno, principalmente para os ocupantes do banco traseiro, desbancando o Gol e até modelos maiores da própria marcam como Voyage, Parati e Polo.

Exportado para Europa com motor de Kombi

Apesar de ser um produto 100% brasileiro, o Fox era exportado para países do Mercosul e também para a Europa, onde era o modelo mais barato da Volkswagen até a chegada do up!. O modelo de exportação contava com dois motores exclusivos: 1.2 turbo diesel de três cilindros e um 1.4 a gasolina de 80 cv, que em 2006 veio a equipar a Kombi no Brasil.

De outubro de 2003 a outubro de 2021 foram 1,3 milhão de unidades produzidas, contando com a versão “aventureira” Crossfox, que vinha com uma suspensão mais alta e que deixou de ser fabricado em 2017. A única variante de carroceria foi o Spacefox, que vinha importado da Argentina, de 2006 a 2019. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais