Nacional

  1. Notícias
  2. Nacional
  3. Temporal em Petrópolis, no Rio, deixa ao menos um morto e três soterrados
Imagem: CBRJ / Divulgação

Temporal em Petrópolis, no Rio, deixa ao menos um morto e três soterrados

Defesa Civil declarou estado de calamidade pública


Por Estadão conteúdo

Um temporal que atinge a cidade de Petrópolis, na Região Serrana do Rio, desde a tarde desta terça-feira (15), causou o deslizamento de uma encosta no morro da Oficina, provocando a morte de uma pessoa e deixando outras três soterradas, segundo o Corpo de Bombeiros.

Até a publicação desta reportagem, não haviam informações sobre o estado de saúde dos três soterrados. Os bombeiros ainda não tinham uma avaliação completa da situação - pode ser que mais pessoas tenham sido vítimas da chuva e desse deslizamento.

Em uma hora choveu 113 milímetros em Petrópolis - em seis horas a chuva atingiu 175 milímetros. Às 20h ela continuava, e a previsão era de que a chuva continuaria ao longo da noite. Além de dezenas de pontos de alagamento, o temporal arrastou carros e causou a queda de barreiras.

A Defesa Civil havia registrado mais de 50 ocorrências com deslizamentos desde a tarde. A rodovia Rio-Petrópolis foi parcialmente interditada na altura do km 82, nas imediações do terminal rodoviário do Bingen, devido à queda de uma barreira. O trânsito passou a fluir em meia pista na descida da serra.

Todo o efetivo do Corpo de Bombeiros de Petrópolis foi mobilizado - 120 agentes estão trabalhando no socorro à população, segundo a instituição. Outros 60 bombeiros estão a caminho do município.

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais