Carregando...

Polícia

Imagem: PCMG Oficial / Divulgação

Polícia Civil trabalha para identificar 26 mortos em Operação Policial em Varginha

IML criou força tarefa para fazer a identificação de criminosos mortos em abordagem policial, no domingo

Por Lucas Rage

O Polícia Civil de Minas Gerais montou uma força tarefa para identificar os 26 criminosos mortos na operação policial conjunta entre Polícia Militar de Minas Gerais e PRF, no último domingo (31).

A ação ocorreu na Zona Rural de Varginha, no Sul de Minas, e é considerada a maior operação contra o chamado Novo Cangaço. Os corpos foram encaminhados na noite de domingo para análise do Instituto Médico Legal, em Belo Horizonte.

Segundo José Roberto Rezende Costa, assessor da direção do IML, 200 profissionais trabalham na identificação dos corpos. 

Ainda segundo a Polícia Civil, a identificação dos corpos será feita por DNA, que será coletado e inserido em um banco nacional de dados. Há ainda a coleta de impressão digital dos corpos dos periciados.

Investigações preliminares dão conta de que os criminosos teriam origem em quadrilhas do novo cangaço em Araçatuba (SP), Criciúma (SC) e Uberaba (MG). Investigadores trabalham ainda com documentos encontrados no sítio usado pelo grupo, com o objetivo de tentar identificar a origem dos bandidos.


Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais