Carregando...

Política

Imagem: Divulgação/CMBH

À CPI, PF confirma duas investigações envolvendo Prefeitura de BH e a gestão da pandemia

Ofício da corporação afirma que um inquérito ainda está em andamento, enquanto o outro já foi relatado e segue em sigilo; posicionamento foi enviado após requerimento do vereador Irlan Melo (PSD)

Notícias

Lucas Ragazzi

Jornalista dos programas Central 98 e 98 Talks, especialista em política


A Polícia Federal confirmou à CPI da Covid-19, na Câmara Municipal de Belo Horizonte, que existem duas investigações envolvendo a atuação da Prefeitura de Belo Horizonte na gestão da pandemia do novo coronavírus. A primeira, ainda em andamento, e uma segunda já relatada à Justiça, mas ainda em sigilo.

Em ofício à CPI, a PF pontuou que "após as buscas realizadas utilizando-se o parâmetro 'Prefeitura de Belo Horizonte' e relacionando ao assunto disposto no ofício Dieleg 1.762/21 (COVID-19) localizou-se o inquérito 2020.006617 em trâmite na Delegacia de Combate ao Crime Organizado. Além deste inquérito, foi encontrada investigação concluída nos autos do IPL 2020.0051130, cujo status sigiloso impede o acesso ao mesmo".

O posicionamento da PF foi feito após requerimento do vereador Irlan Melo (PSD), que é relator da CPI. Melo pediu acesso às investigações sobre o tema que estão sendo realizadas pela PF, Polícia Civil, MPMG e MPF.

Até o momento, além da PF, o MPMG também já sinalizou que dará acesso à CPI aos inquéritos envolvendo a PBH e a gestão da pandemia.


* Esta coluna tem caráter opinativo e não reflete o posicionamento do grupo.
Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais