Carregando...

Política

Chico Rodrigues amplia licença no Senado para que filho assuma o mandato

O pedido inicial de licença de Chico Rodrigues, de 90 dias, não implicaria na convocação do suplente. Agora, com ampliação para 121 dias, o filho Pedro Arthur Ferreira Rodrigues assumirá o cargo

Por Da redação

Após ter pedido licença do mandato por 90 dias, o senador Chico Rodrigues (DEM-RR) protocolou na tarde desta terça-feira (20) uma nova solicitação, ampliando o período para 121 dias. A medida é "irrevogável, irretratável e sem recebimento de salário no período”.

Quem deve assumir o mandato é o primeiro suplente, Pedro Arthur Ferreira Rodrigues, que é filho do parlamentar e receberá os salários. O pedido inicial de licença de Chico Rodrigues, de 90 dias, não implicaria na convocação do suplente. O pedido foi aceito pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Chico Rodrigues foi flagrado com R$ 33 mil escondidos na cueca na semana passada, durante uma operação da Polícia Federal com o apoio da Controladoria-Geral da União. Os agentes também encontraram em um cofre R$ 10 mil e US$ 6 mil.

Ontem, em nota divulgada à imprensa, a defesa do senador afirmou que o dinheiro encontrado nas vestes íntimas se destinava “ao pagamento dos funcionários de empresa da família do senador”.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais