Carregando...

Política

CPIs da Caixa-Preta da BHTrans e dos gastos da Pandemia elegem presidentes

Gabriel Azevedo (Patriota) preside CPI da BHTrans, já Juliano Lopes vai monitorar os gastos da PBH durante a pandemia

Por Lucas Ragazzi

As duas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI) abertas na Câmara Municipal de Belo Horizonte realizaram, no início da tarde desta sexta-feira (21), suas primeiras reuniões e elegeram os presidentes e relatores dos colegiados. As votações confirmaram as articulações que a Rádio 98 mostrou ao longo dos últimos dias. 

Na CPI da "Caixa-Preta da BHTrans", o vereador Gabriel Azevedo (Patriota) foi eleito presidente, e Reinaldo Gomes (MDB) o relator. Os dois foram os únicos candidatos aos cargos. Claudiney Dulim (Avante), que havia se colocado como candidato a relator, desistiu da disputa e apoiou Gomes. 

Além deles, integram a CPI os vereadores Nikolas Ferreira (PRTB), José Ferreira (PP), Bruno Miranda (PDT), Flávia Borja (Avante), Wanderley Porto (Patriota) e Jorge Santos (Republicanos).

Já na CPI dos "Gastos da Pandemia", Juliano Lopes (PTC) foi confirmado como presidente do colegiado, e Irlan Melo (PSD) como o relator da CPI. Melo abriu mão da liderança do PSD na Câmara para, segundo ele, conseguir atuar como relator com maior liberdade. O PSD é o partido do prefeito Alexandre Kalil

Também integram a comissão os vereadores Bella Gonçalves (PSOL), Braulio Lara (Novo) e Rubão (PP).

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais