Carregando...

Política

Imagem: Divulgação/Senado

Dominghetti tentou assumir o PRTB de Três Corações e, em mensagens, se mostrava informado sobre articulações internas do partido

Em mensagens enviadas a um militar da PM mineira, o suposto vendedor de vacinas se mostra por dentro das conversas no diretório estadual do PRTB e faz críticas pesadas à presidente da sigla

Notícias

Lucas Ragazzi

Jornalista dos programas Central 98 e 98 Talks, especialista em política


O cabo da Polícia Militar de MG e suposto "representante" de vacinas, Luiz Paulo Dominghetti, mantinha conversas sobre articulações internas no PRTB mineiro e chegou a tentar assumir o comando do diretório municipal do partido em Três Corações, no Sul de Minas. 

Segundo apurou a coluna, Dominghetti tentou, no ano passado, assumir o comando do PRTB de Três Corações para se lançar candidato a vereador e apoiar um candidato a prefeito na cidade. A presidência estadual da legenda não autorizou. Dominghetti não chegou a se filiar ao partido.

Em mensagens enviadas a um militar da PM mineira, Dominghetti se mostra por dentro das articulações no diretório estadual do PRTB, chegando até a fazer críticas pesadas à presidente do partido, Rita del Bianco, e ao ex-vice-presidente Mauro Quintão. 

O interlocutor militar de Dominghetti na conversa responde ao "vendedor" após as críticas à cúpula do PRTB mineiro. "Estou analisando aqui pq a Claudia é pre candidata a Estadual....ainda está filiada ao PRTB". Dominghetti rebate: Cmt quer um conselho de amigo. Ache outro. Sinceramente acredito que a Cel deveria sair".

No ano passado, a Coronel Cláudia Romualdo foi candidata a vice-prefeita de Belo Horizonte na chapa de Bruno Engler (PRTB). 

* Esta coluna tem caráter opinativo e não reflete o posicionamento do grupo.
Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais