Política

  1. Notícias
  2. Política
  3. “Meu caminho é o diálogo” diz Marcus Pestana, pré-candidato do PSDB ao governo de Minas
Imagem: Rede 98 / Reprodução

“Meu caminho é o diálogo” diz Marcus Pestana, pré-candidato do PSDB ao governo de Minas

Ex-Deputado Federal foi o convidado da série de entrevistas do Central 98 à corrida eleitoral


Por Lucas Rage

“Meu caminho é o diálogo”. Essa foi a mensagem deixada pelo ex-Deputado Federal Marcus Pestana, pré-candidato do PSDB ao governo de Minas Gerais.

Entrevistado pelo Central 98, Pestana falou sobre os planos para o Palácio Tiradentes, caso seja eleito no pleito em 2022. O pré-candidato detalhou ainda o que o fez retornar à vida política.

“Eu estava pela primeira vez, em 40 anos, na iniciativa privada. O meu foco — diferente do Zema, do Kalil — [sempre foi] a iniciativa pública. Me chamaram, engraxei as chuteiras e voltei para os gramados”, afirmou.

Segundo Pestana, sua campanha será pautada no diálogo, principalmente em meio à intolerância política que vem tomado conta das manchetes no Brasil. "Em Minas, quem briga são as ideias, não as pessoas. Eu quero poder tomar um cafezinho com o Zema, com o Kalil, na semana seguinte, se eu for eleito, e discutir o futuro de Minas”, afirmou.

Ele comentou ainda o episódio recente ocorrido em Foz do Iguaçu, que terminou com a morte de um petista. “A diversidade é uma riqueza da democracia. Essa intolerância, matar nunca. Morrer por causa de política, de ideologia. Polarização sempre houve, mas é preciso que seja civilizada e democrática”.

O ex-deputado federal descartou ainda a hipótese de descartar a candidatura no meio da corrida eleitoral. “É pra valer. Neymar tem jeito para jogar bola. Paulinho da Viola para fazer samba. Zema e Kalil, um para ser empreiteiro e o outro ser comerciante. A minha vida é a administração pública".

Veja a íntegra da entrevista com Marcus Pestana!


Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais