Carregando...

Política

Imagem: Reprodução

Prefeitura de Nova Lima enviou carta de intenção de compras de vacinas à Davati: "não fizeram novo contato"

Em nota nota, município disse que "assim que a Prefeitura manifestou o interesse em adquirir as vacinas, não houve mais nenhum avanço nas conversas com a empresa", e que não houve qualquer alegação para que o negócio não avançasse

Notícias

Lucas Ragazzi

Jornalista dos programas Central 98 e 98 Talks, especialista em política


A Prefeitura de Nova Lima chegou a negociar e enviou uma Carta de Intenção de Compras de vacinas a representantes da Davati Medical Supply, empresa americana que está no centro da CPI do Senado. Apesar das conversas e do interesse do município em tentar comprar vacinas, os representantes "sumiram" e nunca mais entraram em contato.

Questionada pela coluna, a assessoria da Prefeitura de Nova Lima afirmou, em nota, que "assim que a Prefeitura manifestou o interesse em adquirir as vacinas, não houve mais nenhum avanço nas conversas com a Davati", e que não houve qualquer alegação para que o negócio não avançasse, "nenhum novo contato foi realizado pela empresa".

A prefeitura afirmou, ainda, que não houve pesquisa aprofundada sobre o histórico da empresa. "Nesse caso específico, por se tratar de um processo preliminar às tratativas comerciais, foram feitas análise pela internet das informações a respeito da empresa para verificar a sua existência e ramo de atuação", mas "como o processo não evoluiu, não foi dado prosseguimento à análise".

.

* Esta coluna tem caráter opinativo e não reflete o posicionamento do grupo.
Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais