Política

  1. Notícias
  2. Política
  3. Reajuste retroativo para servidores estaduais será pago em junho pelo Governo de Minas
Imagem: Gil Leonardi / Imprensa MG

Reajuste retroativo para servidores estaduais será pago em junho pelo Governo de Minas

O pagamento será retroativo a janeiro deste ano


Por João Henrique do Vale

Os servidores estaduais de Minas Gerais vão receber o valor retroativo no reajuste salarial em junho deste ano, referente a folha de maio. A informação foi confirmada pelo Executivo Estadual. Os trabalhadores vão receber a recomposição inflacionária de 10,06% correspondente aos meses de janeiro a março. 

Além dos valores retroativos a serem recebidos em junho, os servidores já recebem na folha de pagamento de abril, que é paga em maio, a recomposição salarial já incorporada aos vencimentos. O aumento inclui todos os servidores ativos, inativos e pensionistas do Poder Executivo.

Segundo o Governo de Minas, o impacto financeiro do reajuste, incluindo os retroativos, é de mais de R$ 4,5 bilhões por ano.

Os servidores das forças de segurança vão receber, em maio, as duas primeiras parcelas de cerca de R$ 2 mil a título de abono fardamento ou auxílio vestimenta. Ao todo, serão quatro parcelas ao longo do ano, totalizando aproximadamente R$ 8 mil deste benefício.

Reajuste extra 

O ministro Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), vai analisar uma ação direta de inconstitucionalidade do Governo de Minas contra o reajuste extra para os servidores da saúde, educação e segurança pública. A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) promulgou, na segunda-feira, a proposição que permite o aumento as categorias. 

Os parlamentares derrubaram os vetos parciais do governador Romeu Zema (Novo) no projeto original. Com isso, concederam reajustes adicionais de 33% para a educação e 14% para a saúde e a segurança pública. Vale lembrar que o Governo de Minas já tinha concedido aumento de 10,06% a todo o funcionalismo público. 

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais