Carregando...

Política

Representante da Pfizer será ouvido nesta quinta-feira na CPI

Ex-presidente da Pfizer no Brasil, Carlos Murillo, será questionado sobre as negociações com o Governo Federal

Por Da redação

Os depoimentos na CPI da Pandemia continuam nesta quinta-feira. Os senadores vão ouvir o ex-presidente da Pfizer no Brasil, Carlos Murillo. Ele comandava a representação brasileira da empresa farmacêutica norte-americana quando se iniciaram as negociações com o governo brasileiro para a compra de vacinas contra o coronavírus.

Entre os questionamentos que serão feitos a Murillo está o atraso para o Governo Federal fechar o contrato com a empresa. Em depoimento à CPI, nessa quarta-feira, o ex-secretário de Comunicação Social do governo, Fabio Wajngarten, confirmou que o contato da Pfizer com autoridades brasileiras se deu no dia 12 de setembro, por meio de carta oficial endereçada à cúpula do governo e do Ministério da Saúde. 

Mas o vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que se reuniu com a direção da Pfizer no Brasil no dia 22 de fevereiro, em videoconferência junto ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), entende que o governo só aderiu à vacina da empresa no dia seguinte a essa reunião, 23 de fevereiro, após a direção da Pfizer convencer o então ministro da Saúde, Eduardo Pazuello.

Os senadores também vão questionar se, caso o contrato fosse firmado com antecedência, a vacinação do Brasil poderia ter iniciado ainda em 2020. 

Investigação 

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado encaminhou à Procuradoria da República no Distrito Federal despacho pedindo para que se averiguem as declarações dadas pelo ex-secretário de Comunicação e empresário Fabio Wajngarten ao colegiado.

O despacho encaminhado ao Ministério Público foi lido no plenário da comissão pelo presidente do colegiado Omar Aziz (PSD-AM). Segundo o texto, o colegiado pede "a apuração e eventualmente a responsabilização, inclusive com a aplicação de penas restritivas de direito, pelo eventual cometimento do crime de falso testemunho perante essa Comissão"

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais