Carregando...

Política

Toque de recolher é suspenso em todo o estado de Minas Gerais

Reuniões familiares também voltam a ser permitidas; decisão é válida até a próxima quarta-feira, quando haverá novo encontro do comitê de enfrentamento à pandemia

Por Marcello Oliveira

Após uma reunião entre o presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), Gilson Soares Leme; o secretário de governo do Estado, Mateus Simões; o advogado-geral do Estado, Sérgio Pessoa; e o procurador-geral de Justiça adjunto, Carlos André Bittencourt e o deputado estadual Bruno Engler (PRTB), na noite desta segunda-feira (05), houve um entendimento para suspender o toque de recolher em todo o estado e permitir reuniões familiares a partir desta noite.A decisão atinge duas das principais medidas da "Onda Roxa" do programa estadual Minas Consciente é válida até quarta-feira (07), quando acontecerá nova reunião do comitê de enfrentamento da pandemia no Estado. Pelas redes sociais, o deputado Bruno Engler comemorou a decisão e considerou uma vitória. Bruno também chamou as ações do governo do Estado de inconstitucionais.

O toque de recolher havia sido determinado entre as 20h e 05h todos os dias nos municípios que estão na fase roxa. A fase restritiva também incluía a proibição de reuniões familiares em domicílio, que também foi derrubada até a próxima quarta. "O governador Zema e o secretário geral, Mateus Simões, prometeram que na quarta-feira vão tentar convencer o comitê para que essas medidas sejam efetivamente revogadas no Estado de Minas Gerais", explicou o presidente do TJMG, Gilson Soares Leme.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais