Saúde

  1. Notícias
  2. Saúde
  3. Com avanço da Covid-19, Prefeitura de BH reduz número de cirurgias eletivas
Imagem: Comunicação HUB

Com avanço da Covid-19, Prefeitura de BH reduz número de cirurgias eletivas

A decisão foi tomada devico ao aumento no número de internações causada pelo coronavírus


Por Victor Duarte

O número de cirurgias eletivas, que são os procedimentos considerados como não urgentes, será reduzido em Belo Horizonte. A decisão foi divulgada nesta terça-feira (1) pela Prefeitura da capital. O motivo é o aumento no número de internações causadas pela variante ômicron da Covid-19

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, devido ao atual cenário da pandemia na capital, orientou pela redução imediata dos procedimentos cirúrgicos eletivos em todos os estabelecimentos de saúde contratados pelo SUS/BH.

Ainda segundo a PBH, serão mantidos os atendimentos de pacientes com necessidade de cirurgia de urgência em que o atraso no procedimento pode ocasionar perda ou lesão irreversível de órgão ou membro.

A Prefeitura informou que há, atualmente, cerca de 28 mil pessoas na fila de espera para procedimentos eletivos.

A redução no número de cirurgias eletivas já tinha sido anunciada pelo secretário municipal de Saúde, Jackson Machado, durante entrevista coletiva na última quarta-feira, 26 de janeiro. 

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais