Saúde

  1. Notícias
  2. Saúde
  3. Em BH, ministro da saúde evita falar em fim da pandemia mas diz trabalhar para isso
Imagem: Marcello Oliveira / Rede 98

Em BH, ministro da saúde evita falar em fim da pandemia mas diz trabalhar para isso

Marcelo Queiroga cumpre agenda na capital, onde foi questionado sobre a fala de Bolsonaro de que o fim da pandemia seria decretado no fim do mês


Por Marcello Oliveira

O ministro da saúde, Marcelo Queiroga, segue agenda em Belo Horizonte nesta sexta-feira (18). Na parte da manhã ele participou, na Cidade Administrativa de Minas Gerais, da cerimônia de abertura da oficina do programa Previne Brasil, um programa que cuida do financiamento de custeio da atenção primária à saúde no país.

No final do evento, Queiroga conversou com jornalistas sobre a atual situação da pandemia de covid-19. Questionado se ele honraria as palavras do presidente Jair Bolsonaro sobre o fim da pandemia no Brasil ainda neste mês, o ministro escorregou. “Estamos trabalhando para sair dessa situação de emergência, mas há muitos aspectos a serem analisados, mas até 31 de março nós daremos uma posição sobre isso”, disse.

Vale lembrar que nesta quinta-feira (17), Queiroga levou ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, estudos para o fim da situação de emergência sanitária no Brasil devido à pandemia. Na prática, o que o ministro quer é passar a encarar a covid-19 como endemia no país.

Mas segundo o secretário de estado da saúde, Fábio Baccheretti, que também conversou com a imprensa após o evento, a classificação da situação cabe à OMS (Organização Mundial da Saúde). 

Casos de 'deltacron'

Marcelo Queiroga confirmou que voltou atrás sobre os dois casos de infecção pela cepa chamada de “Deltacron” (elementos da variante delta com a ômicron, da covid-19 em uma única cepa) que havia sido confirmado pelo Governo. Mas o ministro disse que na verdade são apenas dois casos suspeitos e nenhum foi confirmado até o momento.

Ainda cumprindo agenda em BH o ministro participa da entrega de um novo equipamento para a Unidade de Radioterapia do Hospital da Baleia, no bairro Saudade, região Leste de Belo Horizonte. O acelerador linear que será entregue na unidade hospitalar promete atender mais pacientes por dia. 

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais