Carregando...

Saúde

Vacina chinesa mostra eficácia de 86% na proteção contra covid-19

Os testes em fase 3 começaram em julho e o uso emergencial do imunizante teve início três meses depois

Por Estadão Conteúdo

Uma candidata chinesa à vacina mostrou eficácia de 86% na proteção contra a covid-19, segundo resultados preliminares de estudos clínicos em fase 3 realizados nos Emirados Árabes Unidos (EAU). O país árabe registrou a vacina, que foi desenvolvida pela China National Pharmaceuticals Group (Sinopharm), segundo comunicado da agência oficial de notícias dos EAU.

Os testes em fase 3 começaram em julho e o uso emergencial do imunizante teve início três meses depois. A análise revela que 99% dos participantes dos estudos desenvolveram anticorpos contra a doença. A possível vacina é baseada num vírus inativo, o que significa que o patógeno é enfraquecido para uso em humanos.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais