Carregando...

Saúde

Imagem: Agência Brasil / Divulgação

Cortes na Ciência e Tecnologia podem ameaçar Centro Nacional de Vacina da UFMG

Declaração partiu do ministro da pasta, Marcos Pontes, em sessão virtual da Câmara dos Deputados

Por Lucas Rage

Os cortes na Ciência e Tecnologia anunciados pelo governo federal podem colocar em xeque a construção do Centro Nacional de Vacinas, iniciativa da pasta com a UFMG que deve ser implementada em Belo Horizonte no ano que vem.

Notícia foi compartilhada hoje pelo ministro Marcos Pontes, da Ciência, Tecnologia e Inovação, em sessão virtual da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados.

Segundo Pontes, R$ 50 dos mais de R$ 600 milhões reduzidos do orçamento eram destinados à construção do Centro Nacional de Vacinas. A iniciativa é inédita, e é vista como mais uma aliada no combate a doenças no país, entre elas a Covid-19.

Lançado em setembro pelo presidente Jair Bolsonaro, o Centro Nacional de Vacinas conta ainda com R$ 30 milhões de verbas do governo de Minas. A pedra fundamental do projeto foi lançada durante agenda do presidente em BH, em 30 de setembro. A previsão é de que a instituição comece a ser construída em janeiro de 2022.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais