Saúde

  1. Notícias
  2. Saúde
  3. Novos pediatras são convocados para o Hospital Infantil João Paulo II
Imagem: Fhemig/Divulgação

Novos pediatras são convocados para o Hospital Infantil João Paulo II

Mais dez profissionais foram nomeados em nova tentativa de ampliação da equipe médica da unidade


Por Agência Minas

O Governo de Minas nomeou mais dez médicos pediatras para ampliação da equipe do Hospital Infantil João Paulo II (HIJPII), que integra a rede de assistência da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig).

Os profissionais irão preencher vagas remanescentes de cadastro reserva do concurso público homologado em 2017. O prazo do edital foi estendido após a suspensão da vigência dos concursos públicos, ocasionada pelo cenário de calamidade pública da pandemia de covid-19.

O Estado realizou uma primeira nomeação de candidatos excedentes no dia 19. Dos 15 pediatras convocados, três tomaram posse e já integram a equipe assistencial do HIJPII.

De acordo com o diretor do Complexo Hospitalar de Urgência e Emergência da Fhemig, Fabrício Giarola Oliveira, a nomeação de mais dez profissionais contribui para a composição de uma escala médica ainda mais robusta, oferecendo, assim, assistência mais resolutiva a crianças e adolescentes.

“A nomeação de novos profissionais aprovados em concurso público vem em um momento crucial, de alta de doenças respiratórias em crianças, que tem ocasionado aumento da demanda em vários serviços de saúde. Os pediatras chegam para ampliar nosso corpo clínico, proporcionando atendimento ainda mais qualificado tanto na porta (pronto atendimento), quanto na urgência e na internação”.

Prazo de 30 dias

Conforme a Lei 869/52, o servidor nomeado tem prazo de 30 dias para tomar posse e outros 30 para entrar em exercício efetivo, sendo possível iniciar suas atividades em menor tempo.

O HIJPII completou 40 anos de atuação e é o único hospital pediátrico totalmente público do estado. Conta emergência, internação em enfermaria e CTI, atendimentos ambulatoriais em clínica, dermatologia, endocrinologia, gastroenterologia, genética, hematologia, infectologia, medicina intensiva, medicina paliativa, neurologia, pneumologia e reumatologia. E também com os serviços de apoio em cirurgia pediátrica, fonoaudiologia, psicologia, serviço social, terapia ocupacional, terapia nutricional e pedagogia. Além disso, atende crianças com doenças raras e infectocontagiosas.

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais